Defesa Civil Nacional segue monitorando regiões afetadas por chuvas

Categoria: Geral | Publicado: segunda-feira, janeiro 10, 2022 as 11:13 | Voltar

A Defesa Civil Nacional (Sedec), do Ministério do Desenvolvimento Regional, continua apoiando e monitorando as localidades afetadas pelas fortes chuvas.

Dia (7), o Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), emitiu um novo alerta para fortes chuvas em quatro estados brasileiros neste fim de semana. Dois avisos meteorológicos de grande perigo (vermelho) foram emitidos pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) para Goiás, Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro.

Segundo o secretário nacional de Proteção e Defesa Civil, coronel Alexandre Lucas, as Defesas Civis locais devem estar atentas à esses alertas e atuar em sua cidade com o objetivo principal de prevenir o desastre. Quando não for possível evitar, pode-se atuar para minimizar os danos humanos e materiais. Os agentes devem se atentar, também, às especificidades de risco de sua região, tais como cachoeiras, rochas, falésias, entre outras.

Sobre o desastre ocorrido em Capitólio (MG), a Sedec informa que se trata de uma ocorrência típica de corpo de bombeiros, de salvamento e resgate. O órgão recomendou ao município que interrompa as atividades turísticas no local para evitar a exposição de pessoas a novos riscos. O alerta se estende também para que as pessoas evitem este tipo de atividades em regiões afetadas pelas tempestades.

Em relação ao município de Nova Lima (MG), onde ocorreu um transbordamento de um dique (sistema de drenagem) na manhã deste sábado (8), a Policia Rodoviária Federal, como membro do Sistema Federal de Proteção e Defesa Civil, atuou rapidamente, bloqueou o trânsito e evitou que pessoas pudessem correr qualquer tipo de risco.

O Cenad está em monitoramento 24 horas por dia e mantém contato com todas as localidades afetadas. No Maranhão, por exemplo, municípios mais afetados já manifestaram de devem solicitar recursos emergenciais para socorro e assistência.

Apoio da Defesa Civil Nacional

Já foram autorizados, até o momento, RS 177 milhões para apoiar cerca de 90 municípios baianos e mineiros atingidos pelas fortes chuvas que acometem as regiões desse o final de novembro.

As solicitações de recursos estão sendo encaminhadas pelos entes (estados e/ou municípios), e suas respectivas liberações estão ocorrendo em tempo recorde, com análise e liberação pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil quase que diariamente, em menos de 24h.

A liberação de recursos por meio da Defesa Civil é estabelecida por legislação que prevê fases de resposta, reestabelecimento e reconstrução, todas precedidas de levantamento de danos.

O apoio da Defesa Civil Nacional é autorizado após o reconhecimento federal e mediante solicitação de recursos pelo ente, que inclui apresentação de Plano de Trabalho (com diversos documentos), e análise e aprovação da equipe técnica da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil.
Equipes da Defesa Civil Nacional estão percorrendo as regiões atingidas desde o dia 29 de novembro para apoiar as prefeituras na elaboração de planos de trabalho para solicitar recursos.

As prefeituras estão, neste momento, realizando o levantamento de prejuízos para solicitar recursos voltados à reconstrução.

Mais informações sobre o apoio da Defesa Civil: https://www.gov.br/mdr/pt-br/noticias/confira-as-acoes-da-defesa-civil-nacional-para-apoiar-municipios-afetados-por-fortes-chuvas

Confira o alerta emitido na última sexta-feira: https://www.gov.br/mdr/pt-br/noticias/mdr-alerta-para-chuvas-intensas-em-minas-gerais-goias-espirito-santo-e-rio-de-janeiro-nas-proximas-48-horas

Publicado por: sleonardo

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.